Categorias
Cultura e tradições

Basílica Nossa Senhora do Pilar – Buenos Aires

o Basílica de Nossa Senhora do Pilar Nasceu como Igreja e Convento dos Frades Recoletos da ordem franciscana que chegaram a Buenos Aires em 1708. O templo de estilo barroco foi inaugurado em 1732 e é a igreja mais antiga que permanece quase intacta. No início do século XIX, seu pomar foi convertido em pomar. Cemitério do Norte (de la Recoleta) por decisão do governador. O Papa Pio XI eleva-o à Basílica em 1936.

Autor da imagem: Sking

É uma das obras mais bonitas da arquitetura colonial de Buenos Aires. Tem um fachada assimétrica, com uma torre sineira no lado esquerdo e um campanário com arco duplo no lado direito. É simples, com um conjunto duplo de pilastras apoiando uma frente triangular que coroa cinco pináculos.

O templo é de planta jesuíta, de um único navio com altares laterais. Três à direita e quatro à esquerda. No lado direito destaca as Altar das Relíquias, que valoriza as relíquias de mártires e muitas peças de imagens e objetos litúrgicos.

Autor da imagem: Lourdes Cardenal

A igreja abriga sepulturas de grande importância artística e histórica, entre as quais a João de Narbonne, rico comerciante aragonês do templo.
o retábulo principal do templo É o mais antigo da cidade. Obra-prima barroca feita de cedro esculpido e coberta com folha de ouro, tem uma imagem da Virgen del Pilar no centro. Toda a frente do altar, feita de prata em relevo, vem do Alto Peru.

Autor da imagem: Lourdes Cardenal

Você pode fazer uma das visitas guiadas periodicamente organizadas pelo Claustros Históricos da Basílica, que desde o final do século XX abriram como um museu de arte religiosa, dos séculos 14 ao 19.
Localizado na rua Junín 1904 Bairro Recoleta. o Horário de visitas É de segunda a sábado, das 10h30 às 18h15. e domingos a partir das 14h30 às 18:15 Mais informações no telefone +54 4803 6793 e 4806 2209.

Autor da imagem: Lourdes Cardenal

Deixe uma resposta